Quais são as melhores carnes para churrasco? Confira a lista.

Dicas jcbfacas.com - Artigo1

Linguiça toscana, asa de frango, coraçãozinho… As delícias do churrasco são infinitas. E todos os dias, além dos aperitivos tradicionais, assados no braseiro, tem gente criando receitas novas. Pãozinho de alho, pasta de tomate, pimentão no espeto, etc. Porém, as carnes são as verdadeiras protagonistas do evento. Sem carne, não é churrasco! E a receita para elas é: quanto mais simples, melhor. É sal e nada mais! O que se quer apreciar é o sabor próprio da carne e sua maciez e suculência, assada no ponto correto.

Para termos uma carne nota 10, vários fatores são importantes: desde o acerto da distância do braseiro, passando pelo corte perfeito da peça e, claro, a escolha correta de uma carne de boa qualidade. Cada corte tem um sabor específico, único. Muitos preferem a famosa picanha, outros não resistem aos encantos do contrafilé. Eu, por exemplo, não troco a fraldinha por nada! Por isso, preparamos uma lista com as melhores carnes para churrasco.

Confira abaixo e anote sua lista de compras para que seu próximo churrasco seja inesquecível!

Picanha: a famosinha que ganhou o coração – e, claro, o desejo – dos brasileiros.

No topo da lista das melhores carnes para churrasco está ela: a picanha! Tão famosa que a JCBFacas.com tem uma magnífica peça da cutelaria D’ávila específica para fatiar o corte com perfeição! Conheça a faca Dávila Picanheira.

Com um sabor inigualável e extrema maciez, este corte é o mais procurado nas churrascarias brasileiras, inclusive no exterior. Confira artigo completo sobre a picanha na Academia da Carne.

Contrafilé, o corte nobre mais longo do boi, tem vários subcortes muito diferentes.

Do contrafilé, podem ser retirados vários outros cortes, com sabores específicos e texturas bem distintas. Bife ancho, bife de chorizo, bisteca, t-bone, chuleta, ojo de bife, etc. Uns com o osso, outros sem osso. E, para aproveitar o melhor na hora de dividir este corte longo, é preciso lançar mão de uma excelente faca, que seja bem precisa.

Fraldinha é a minha preferida, mas deve ser preparada da maneira correta!

O sabor da fraldinha é incrível e, quando cortada e preparada corretamente, é extremamente macia. Suas fibras não são lineares e é preciso preparar o corte inteiro e fatiá-lo apenas depois de assado. Assim como todas as carnes para um bom churrasco, a gordura não deve ser retirada antes de assar, pois é ela quem realça o sabor específico em cada corte.

Existem vários outros cortes, obviamente, como a alcatra e a maminha, a costela, o cupim, etc. E, assim como o contrafilé, outras peças podem ser subdivididas com ênfase em partes específicas, com diferentes texturas e sabores. É o caso do bombom ou coração da alcatra, por exemplo. Também a picanha, de onde se pode retirar o baby beef.

E você, qual corte prefere? Conte pra nós aqui nos comentários e mande sua foto também!

Aproveite e receba por email novos posts e ofertas, cadastre-se aqui:



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *